Carrinho
Maternidade

Carta aos Pais – Nuno Pinto Martins-Kids Coach.

140views
Caras mães e pais,
Escrevo-vos, antes de mais, enquanto pai.
Nesta 2.ª feira começaram as aulas online, de norte a sul de Portugal.
Sei como estão preocupados, ansiosos e com receio de que as coisas não corram bem. De não conseguirem acompanhar os vossos filhos nas tarefas e de não estarem tão presentes como gostariam. De não chegarem a tudo, de não darem conta do recado.
Conciliar o teletrabalho, as aulas online, as exigências constantes dos miúdos, a gestão da casa… Tenha calma! Não é um polvo nem um malabarista. Não é perfeita/o. Nem tem de o ser.
Não se deixe influenciar pelas redes sociais, que estão cheias de mães “perfeitas”. Siga o seu instinto.
Está certamente a fazer o melhor possível. E isso basta. Se o seu melhor é ter apenas 5 minutos disponíveis, aqui e ali, para lhes dar apoio, está tudo bem.
O mais importante nesta fase é passar-lhes segurança, tranquilidade e amor incondicional. Mostrar-lhes que está lá para eles (mesmo que seja pouco o tempo disponível) e apoiá-los. Eles também têm os seus medos e receios, as suas dúvidas e frustrações. Eles também falham.
Se o seu filho não conseguir estar 100% concentrado nas aulas online, é normal. Estar em frente a um computador quase o dia todo é tarefa hercúlea até para adultos, quanto mais para crianças!
Se o seu filho tiver dificuldades (ou falta de vontade) a fazer os TPC, mostre compreensão e motive-o em vez de ralhar.
Cada criança tem o seu ritmo. Evite comparações. Não há crianças melhores nem piores, mais espertas ou mais burras.
Quando tudo voltar ao normal, eles terão tempo de recuperar o que perderam. E têm a vida inteira para serem felizes. Ano perdido? Só para quem perdeu a vida nesta pandemia…
Fixe expectativas realistas, tente organizar o melhor possível o dia a dia. Seja flexível. Consigo e com o seu filho. Não tente transformar a casa na escola nem no escritório!
Haverá dias mais difíceis, onde a paciência vai faltar (a deles e a sua). Mas esses dias serão também oportunidades. Para refletir e para fazer diferente no dia seguinte. Haverá sempre o dia seguinte!
Mais importante do que as aprendizagens, são os afetos. Esta é também uma oportunidade única para criar memórias.
Lembre-se que estamos a atravessar uma fase única nas nossas vidas. E que vai passar. Há sempre luz ao fundo do túnel.
Estamos todos juntos, no mesmo barco. Precisamos de nos apoiarmos em vez de criticarmos. De nos unirmos em vez de nos separarmos.
Mantenham-se protegidos.
Um abraço “positivo”.
Nuno Pinto Martins
Fundador da Academia Educar pela Positiva
Autor do livro Educar pela Positiva
Formador certificado em Disciplina Positiva
Kids Coach

Leave a Response

Translate »